Taxistas de mota não querem saber de cartão de condução em Nampula

0
47

Nampula (IKWELI) – A Associação dos Voluntários para Organização dos Taxistas Mota (AVOTANA), na província de Nampula, diz estar aflita com o nível de rejeição de participação na capacitação e instrução, por parte de alguns taxistas de motas que operam na cidade de Nampula, sobretudo no bairro mais populoso do país, Namicopo.

O presidente da agremiação, Albertino José, anota que a mobilização que tem vindo a empreender para que os mototaxistas aceitem ser instruídos não surte os efeitos desejados.

“Nós como AVOTANA, a nossa exortação é de que os nossos membros ou taxistas de mota de Nampula devem agir de uma boa forma na via pública, porque também há muita concorrência desleal de passageiros, por isso que fazem ultrapassagens irregulares e, constatamos que não há uso de capacete por parte destes condutores, o que nos aflige bastante, por isso que temos essa capacitação dos taxistas de mota para regular o comportamento dos mesmos”, precisou o nosso interlocutor.

José fez saber que ao nível da cidade de Nampula, a AVOTANA com conta146 (cento e quarenta e seis) praças, e 3.118 (três mil e cento e dezoito) operadores, parte dos quais já estão a aderir ao processo de capacitação e instrução. (Malito João)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui