Professor Adriano Nuvunga diz que Governo deve melhorar condições no exército para acabar com o terrorismo no país

0
253
Prof. Adriano Nuvunga - Director Executivo do CDD

Maputo (IKWELI) – O Professor Adriano Nuvunga, um dos mais proeminentes defensores de direitos humanos em Moçambique, disse, na cidade de Maputo, que os governantes devem se preocupar em melhorar as condições do exército, de forma a incentivar entrega e garra no combate ao terrorismo na província de Cabo Delgado.

O director do Centro para Democracia, Desenvolvimento e Direitos Humanos (CDD) anotou que combater o terrorismo é tarefa dos moçambicanos, por isso mesmo que não há nenhuma força externa que possa dar fim ao fenómeno.

“Não virá nenhum ruandês para proteger moçambicano, em Moçambique tem jovens com muita garra e com vontade de lutar pela nossa pátria, os governantes é quem deve criar condições para esses jovens, dando melhor material e alimentação adequada, para que eles tenham força de ir lutar pela nossa população, na província de Cabo Delgado”, disse o activista.

Nuvunga opina ainda a necessidade de se procurar, também, vias pacíficas para a resolução do conflito, de forma a garantir que a situação dos direitos humanos em Cabo Delgado não se deteriore cada vez mais. (Antónia Mazive)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui