Home ACTUALIDADE Porto da Faina bate Croácia e mantém vivo o sonho de campear...

Porto da Faina bate Croácia e mantém vivo o sonho de campear no Muatalense

0
282

Nampula (IKWELI) – Num jogo bastante concorrido por parte do público espectador, o Futebol Clube Porto da Faina levou de vencida, no último fim-de-semana, a equipa da Croácia Futebol Clube, por 4-2, no arranque da segunda volta do campeonato recreativo do núcleo desportivo de Muatala, vulgo Muatalense.

Disputado no campo do Textáfrica, nos arredores do famoso mercado de Matadouro, no bairro de Muatala, o Muatalense é um dos campeonatos de futebol recreativo bastante competitivo e que arrasta multidões naquela circunscrição geográfica do norte de Moçambique.

Para a edição 2023/24 o Muatalense conta com 12 equipas participantes, maioritariamente do bairro de Muatala. Trata-se da Juventus, União Desportiva Sem Medo, Matchedje, Najope Futebol Clube, Lagoa Futebol Clube, Amigos Futebol clube, Cadeado Futebol Clube, Texmoque, Poeira Futebol Clube, Fé no Talento, Porto da Faina e Croácia Futebol Clube, que competem no sistema clássico todos contra – todos em duas voltas.

No último fim-de-semana, no cumprimento da primeira jornada da segunda volta, o Futebol Clube Porto da Faina não vacilou e venceu a Croácia Futebol Clube por 4-2, numa partida em que os representantes da zona da Faina só precisavam começar a segunda volta com vitória para continuar vivo o sonho de se tornarem campeões desta edição.

Por essa razão, logo o apito inicial de Ivo, a equipa do Porto revelou-se mais perigosa no capítulo ofensivo, pelo que com a necessária rapidez conseguiu marcar três golos sem qualquer resposta da Croácia, resultado com que se foi ao intervalo.

Na etapa complementar, o Porto da Faina ressentiu-se do cansaço, uma vez que jogava sem alternativas no banco dos suplentes. O estado físico dos portistas favoreceu em larga medida a equipa da Croácia que, em curto intervalo de tempo, acabou marcando dois golos passando o resultado para 3-2.

Mesmo nos instantes finais, quando a superioridade em campo estava do lado da Croácia, Ivan Mário, usando a sua experiência, marcou o golo que consolidou a vitória dos azuis e brancos, por 4-2.

“Sim foi um resultado sofrido. Entramos bem na primeira parte e marcamos três golos, mas na segunda parte o adversário mostrou que estava vivo e acabou marcando dois golos e no final acordamos e fizemos um golo de tranquilidade, daí ganhamos o jogo”, disse Edson Mário, atleta do Porto da Faina.

Analisando o decurso da competição, Edson Mário admite tratar-se de um torneio que “está bem organizado. Na cidade de Nampula é um dos torneios mais bem organizado, depois do aeroporto. Conta com boas equipas, há muitos talentos aqui e isso mostra, mais uma vez, que na zona norte há bons talentos e esperamos que nos próximos tempos possam sair estrelas para o Moçambola e para outras competições”.

Para Paulo Goncalves, treinador da Croácia, a falta de eficácia do seu conjunto ditou o resultado desastroso. “Nós falhamos na primeira parte, tivemos que tentar na segunda parte, mas não conseguimos, faz parte de jogo. Para os próximos jogos vamos ter que melhorar o nosso desempenho, é assim mesmo, cada jogo é um jogo, como se diz. Quando a pessoa falha tem que melhorar no próximo jogo”.

“Infelizmente, não conseguimos, mas demos tudo que podíamos. Foi uma derrota que sofremos por isso parabéns ao adversário e,  vamos continuar a fazer o nosso esforço nos próximos jogos”, acrescentou Pascoal, jogador da Croácia.

Com este resultado, o Porto da Faina salta da sexta para a quinta posição do Muatalense com 19 pontos, a passo que a Croácia permanece na penúltima posição com 10 pontos.

Outros resultados da 12ª jornada da competição: Juventus 3-2 UD Sem Medo, Matchedje 0-1 Najope, Lagoa 1-2 Amigos, Cadeado 2-0 Texmoque, Poeira 3-4 Fé no talento, Porto da Faina 4-2 Croácia.

Face a esses resultados, o Muatalense é liderado por Cadeado Futebol Clube, com 29 pontos, contra 22 pontos do Najope Futebol Clube. Seguem-se Juventus com 22, Lagoa com 20, Porto com 19, Texmoque com 18, Fé no Talento com 16, Poeira com 15, Amigos com 13, Matchedje com 11, Croácia com 10 e União Desportiva sem medo com 5 pontos. (Constantino Henriques)