Nampula: Consumo de drogas afecta desempenho de alunos nas escolas

0
630

Nampula (IKWELI) – A esposa do Secretário de Estado na província de Nampula, Maria Neto, reconhece que a província regista um elevado índice de consumidores de substâncias psicotrópicas, sobretudo em alunos da faixa etária dos 15 anos de idade, o que prejudica a capacidade de raciocínio e possibilidade de concentração no processo de ensino e aprendizagem.

Na semana passada, a fonte visitou a escola secundária de Nampula, um estabelecimento de ensino público que se tem destacado no consumo de drogas e álcool por parte dos alunos. É nessa escola onde alunos que consomem drogas espancam professores e agridem, também, seus próprios colegas.

Igualmente, Maria Neto precisou que Nampula tem registado maior número de pacientes com problemas de saúde mental que dão entrada nas unidades sanitárias.

A nossa fonte recordou que o consumo de drogas “provoca delírios, alucinações e cria sensação de medo, pânico, exaltação e sentimentos de grandiosidade, pensando que é superior que o director da escola por conta de estar possuído de drogas. As consequências físicas de drogas podem desenvolver doenças, tais como cancro hepático, mau funcionamento dos rins e nervos, problemas respiratórios e cardíacos”.

Maria Neto entende que “muitos que cometem crimes lá fora, e por vezes no recinto escolar, estão sob efeito de drogas, o que pode concorrer a vários acidentes que acabam criando problemas familiares e profissionais, também provocam impactos negativos e vários contextos estão associados a comportamentos antissociais”. (Nelsa Momade)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui