Nampula: neutralizados mais de 20 indivíduos suspeitos de estarem a caminho de Cabo Delgado para o terrorismo

0
325

Nampula (IKWELI) – A Polícia da República de Moçambique (PRM), em Nampula, neutralizou 21 indivíduos que se encontravam a caminho da província de Cabo Delgado, alegadamente para engrossarem as fileiras do grupo terrorista que tem vindo a destruir aquele ponto do país.

Os indivíduos justificam que iam a Cabo Delgado por garantias de emprego. “Tenho 20 anos e pai de dois meninos e natural do distrito de Alto Molocué, estou aqui porque apareceu uma pessoa que escreveu o meu nome para entrar numa empresa para começar a trabalhar para conseguir alimentação, depois de aceitar a proposta apareceu um carro e levou muita gente para qui em Nampula e de seguida ir para Cabo Delgado”, conta um dos detidos.

Um outro integrante do grupo, conta que “na minha casa apareceu alguém que disse que está a escrever pessoas para ter trabalho na empresa de instalação de antenas, por isso a pessoa levou o meu cartão de eleitor e depois apareceu um carro que nos levou até aqui em Nampula, mas antes muitos de nós que fomos recrutados despedimos as nossas mulheres e filhos que vamos trabalhar com promessas de regressar”.

O cabecilha do grupo, natural de Alto Molócuè, na província da Zambézia, nega esta acusação, mas conta que “no distrito de Molocué somos 18 e Nampula são três que no total somos 21 pessoas. Não recrutei ninguém, somente pedi algumas pessoas que estavam interessadas em trabalho em Cabo Delgado, porque ouvi que existem algumas empresas que precisam de pessoas”.

Zacarias Nacute, porta-voz da PRM em Nampula, refere que este não é o primeiro caso que acontece em Nampula, por isso que a corporação anda atenta a movimentos desta natureza.

“Atento ao facto de os indivíduos neutralizados não saberem quais motivos estão a deslocar-se a província de cabo Delgado, a polícia, para evitar um mal maior, neutralizou estes indivíduos que de seguida serão sensibilizados e devolvidos as suas zonas de origens para que de novo não sejam alvos de recrementos”, disse Nacute. (Nelsa Momade)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui