Home ACTUALIDADE Frelimo quer combater “grupinhos” em Nampula

Frelimo quer combater “grupinhos” em Nampula

0
227

Nampula (IKWELI) – O secretariado do partido Frelimo a nível da província de Nampula, maior círculo eleitoral do país, exorta a todos os membros a combaterem fenómenos de “grupinhos” no seu seio, com vista a vencer as próximas eleições autárquicas agendadas para Outubro do ano em curso.

A exortação foi feita pelo Primeiro Secretário do partido Frelimo em Nampula, Luciano de Castro, durante a cerimónia de encerramento da II sessão Ordinária do comité provincial do partido. Trata-se de um encontro que decorreu entre os dias 17 e 18 do corrente mês.

“Queremos reiterar o nosso apelo ao combate de grupinhos e a necessidade de reforço e consolidação da unidade e coesão no seio dos membros, evitando calúnias, intrigas fofocas e tudo que seja nocivo a nossa organização para um bom desempenho que nos conduza a vitória do nosso partido nos próximos pleitos eleitorais”, apelou De castro.

Luciano de Castro quer, igualmente que os membros do partido unam esforços com vista a resgatar os municípios que se encontram sob comando dos outros partidos.

“Temos o desafio e o dever de vencer em todas as oito autarquias existentes na província, daí que recomendamos a intensificação do trabalho político na base com principal enfoque nos distritos com município para a mobilização dos membros e simpatizantes e a população em geral, com vista o processo de recenseamento eleitoral”, alertou.

De acordo com o primeiro Secretário, a Frelimo em Nampula pretende atrair mais membros para o partido, bem como intensificar a angariação de fundos, “com o intuito de reforçar a robustez financeira do partido rumo ao processo eleitoral”.

Durante a apresentação do comunicado de imprensa, a II Sessão Ordinária do Comité Provincial de Nampula, com vista a dinamizar as acções do partido, elegeu por unanimidade, Osvaldo Algamasse e Elizabete Momade, em substituição de Isaac Mário Ferreira e Rosa Vianeque.

“A II sessão encoraja o secretariado, assim como ao governo da província de Nampula, a prosseguir com maior afinco e determinação para o alcance das metas traçadas com enfoque a vitória dos pleitos eleitorais e para o bem-estar da população”, disse. (Ângela da Fonseca)