Soruma leva duas irmãs aos calabouços em Nampula

0
283

Nampula (IKWELI) – Duas jovens de 22 e 32 anos de idade, por sinal irmãs, encontram-se sob custodia policial por terem sido neutralizadas na posse de 15 quilogramas de cannabis sativa (soruma) e tentativa de suborno de agentes da Polícia da República de Moçambique (PRM), no distrito de Nacala, província de Nampula.

As indiciadas negam ser donas do produto, e alegam que o mesmo lhe fora entregue por um desconhecido a fim de levarem à Nacala, a partir da cidade de Nampula. A viagem a Nacala tinha como objectivo passar as festividades do dia elevação daquela circunscrição ã categoria de cidade.

Os 15 quilos de soruma estavam na posse da jovem de 22 anos, e sobre a irmã de 32 anos pesa o crime de tentativa de suborno de agentes da Lei e Ordem, na tentativa de salvar a sua parente.

“Entregara-me uma encomenda que eu não sabia o que era”, conta a jovem, que explica que ““veio uma pessoa, do nada, me pedindo ajuda para eu levar a encomenda para lá [Nacala]. Eu questionei a ele o que estava dentro do plástico, ou seja, o que era a encomenda, ele respondeu que eram apenas peças de roupa vindo da Tanzânia e eu não questionei mais nada, visto que haveria de ter minha comissão de 500,00Mt (Quinhentos meticais)”.

Enquanto que a outra jovem de 32 anos conta que “tentei ajudar minha irmã subornando os agentes da PRM com um valor de 15.000,00Mt (Quinze mil meticais)”, porque “recebi uma chamada dela dizendo que estava detida, porque foi encontrada a transportar uma mercadoria, ou seja, soruma que foi entregue por alguém, e eu como irmã, não pensei duas vezes em querer ajudar a ela”.

Imrãs indiciadas no tráfico de drogas

De acordo com Zacarias Nacute, porta-voz do Comando provincial da PRM em Nampula, o caso iniciou na cidade de Nampula, onde uma destas cidadãs teria transportado uma quantidade de canábis-sativa (soruma) com destino a cidade de Nacala, no entanto chegado ao local, no processo de revista feita pelos agentes da PRM, foi encontrado essa quantidade de canábis-sativa.

Na manha desta segunda-feira (19), a PRM convidou a imprensa para apresentar as jovens, ocasião que, também, serviu para a apresentação de outros dois indivíduos que se dedicavam ao consumo de heroína na cidade de Nampula, os quais, também, praticam actividades criminais. (Hermínio Raja)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui