Terroristas continuam a matar em Ancuabe

0
60

Pemba (IKWELI) – Há mais relatos de decapitação de civis no distrito de Ancuabe, na região sul da província de Cabo Delgado, onde desde 5 de Junho passado, os terroristas abriram nova frente.

Na aldeia Mihecane, a poucos quilómetros da sede distrital, o Ikweli tem indicação de terem sido decapitadas à 19 de Julho corrente, mais outras cinco (5) pessoas, surpreendidas por um grupo de homens armados e com catanas, cuja descrição leva a crer que trata-se de parte dos terroristas que já actuaram naquela região.

De fontes locais, o nosso jornal sabe que as vítimas tinham ido de motorizadas à busca de produtos alimentares, numa comunidade onde as pessoas abandonaram logo depois do primeiro ataque em Junho findo.

Além de serem mortas as cinco pessoas, que saíram das comunidades que ficam nos arredores da vila de Ancuabe, as suas motorizadas foram igualmente queimadas e parte dos seus bens apoderados pelos atacantes.

Há dias, fontes tinham comentado ao Ikweli que naquele distrito, várias unidades das FDS foram destacadas, sendo que recentemente os produtores, nas machambas mais à sul do distrito (por exemplo, Muaja), estavam sendo aconselhados a abandonar as suas machambas que se encontram distante das casas, para dar lugar às operações de “caça” aos terroristas.

O alerta tinha sido emitido pelas Forças de Defesa e Segurança destacadas àquela zona, garantiram as fontes.

Ainda na semana passada, a empresa que explora os rubis de Montepuez, no mesmo extremo sul de Cabo Delgado, confirmou a decapitação de três pessoas à 30 quilómetros da área da sua concessão. (Redação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui