Nampula: AMUSI diz que só pode chorar com os afectados pelo Gombe

0
111

Nampula (IKWELI) – O partido Acção do Movimento Unido para a Salvação Integral (AMUSI), em Nampula, diz que nada pode fazer para apoiar aos afectados pelo ciclone tropical Gombe, devido a falta de condições financeiras, sendo que pode, apenas, chorar com eles.

Para não ficar calado, o AMUSI convocou a imprensa na manha desta quarta-feira (16) para falar disso, e ainda mostrar indignação com os partidos Frelimo e Renamo por não, ainda com condições, nada estarem a fazer para prover apoio as vítimas deste extremo evento climática.

Ussene Júlio Martinho, assessor político do AMUSI, está ciente que as pessoas estão a sofrer, por isso “nos solidarizarmos com os nossos concidadãos que estão afetados pelo ciclone Gombe”.

“Muitas famílias estão a sofrerem sem comida e nem casa, nós sentimos isso com muita tristeza e dor”, disse.

No entender de Martinho, a população de Nampula é sempre a mais sacrificada quando se fala de assistência humanitária, pois durante a passagem doo ciclone IDAI pelo centro do país os apoios chegaram de forma imediata.

“Organizações que têm feito essas ajudas humanitárias estão totalmente caladas, me refiro as organizações do governo dirigido pela FRELIMO. Nós vimos quando passou o ciclone IDAI na zona centro do país, vimos muita movimentação de várias organizações a darem apoio aquela população, agora eu me pergunto o que está a acontecer com a nossa província, que não podem fazer o mesmo”, apontou o político. (Hermínio Raja)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui