O Natal não foi nada pacífico em Nampula

0
173
saude em Nampula pacientes queixam-se

Nampula (IKWELI) – Os Serviços de Urgência do Hospital Central de Nampula (HCN), no norte de Moçambique, registaram, durante o dia do Natal e da Família, a entrada de, pelo menos, 24 pacientes vítimas de agressão física.

Em colectiva de imprensa, a directora do Banco de Socorros do HCN, Dra. Dalva Khosa, considera a situação como sendo preocupante, sobretudo porque as vítimas de agressões foram o maior número de pacientes que deu entrada àquela unidade sanitária.

Por outro lado, a fonte fala de outros 33 casos ligados a acidentes de viação, bem como o registo de um óbito em consequência de atropelamento de um peão por uma viatura na cidade de Nampula.

“Nas últimas 24 horas, o Serviço de Urgência esteve ligeiramente agitado, principalmente no período das 17 horas em diante, dado que tivemos um atendimento total de 92 casos que, comparativamente ao ano passado, representa um aumento de cinco por cento”, informou Dalva Khosa.

Segundo a nossa fonte, a vítima mortal do acidente de viação é uma jovem, cuja identidade ainda não foi conseguida, tanto que o corpo, também, ainda não tinha sido reclamado até as 10h deste Domingo (26).

A Dra. Dalva Khosa disse ainda que dos casos que deram entrada no HCN, pelo menos, 10 foram internados, sendo um na Unidade de Cuidados Intensivos. (Esmeraldo Boquisse)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui