Demissão de Cambaco ainda não salvou o Ferroviário de Nacala das derrotas

0
179

Nampula (IKWEILI) – O Ferroviário de Nacala perdeu, neste domingo (27), diante do Ferroviário da Beira por 0-3, em desafio da 11ª jornada do Moçambola 2021, disputado no Estádio 25 de Junho na Cidade de Nampula.

Trata-se da primeira derrota na era sem o técnico moçambicano Antero Cambaco, demitido esta semana por, alegadamente, maus resultados no seio dos locomotivas da considerada zona económica especial de Nacala. Aliás, o jogo deste domingo foi interinamente orientado pelo técnico Bento António Mate, adjunto de Cambaco.

Foi um Ferroviário de Nacala irreconhecível perante o homónimo de Chiveve, com uma defesa apática, e sectores sem sincronização. Foi, na verdade, o primeiro pior jogo que os nacalenses protagonizaram este ano em pleno Santuário do 25 de Junho, no bairro de Carrupeia.

Os golos que ditaram a vitória, humilhante, do Ferroviário da Beira foram apontados por Dayo no oitavo minuto da partida, Celso aos 16 minutos, e aos 63 minutos daquele confronto.

“Penso que este foi um jogo em que nós tivemos o domínio total e pesa por aquilo que foi o resultado, com todo respeito que eu tenho pelo Ferroviário de Nacala, eu penso que devíamos ter concretizado mais oportunidades, os rapazes comportaram-se muito bem, viemos fazer um jogo muito intenso, muita intensidade nos primeiros minutos e conseguimos marcar dois golos. Na segunda parte entramos mais fortes e conseguimos fazer o três a zero, podíamos fazer mais, mas não conseguimos concretizar”, analisou Akil Marcelino, treinador do Ferroviário da Beira.

Por seu turno, Bento António Mate, treinador interino do Ferroviário de Nacala, lamentou a derrota da sua agremiação. “Infelizmente, mais uma vez fizemos um bom jogo, mas enquanto cometemos aquele tipo de erros, vai ser muito difícil. A equipa teve uma boa iniciativa do jogo, mas cometemos erros infantis, mais uma vez”, disse a fonte para quem almeja bons momentos futuros.

Com este resultado, o Ferroviário de Nacala continua na 11ª posição da tabela classificativa com os anteriores 9 pontos.

Já no Ferroviário de Nampula, o técnico português, Nelson Santos, averbou a sua primeira derrota como treinador do Ferroviário de Nampula. O baptismo foi diante da União Desportiva de Songo, derrota por 1-0, partida a contar, também, para a 11ª ronda do Moçambola da presente temporada futebolística.

Outros jogos referentes a esta jornada produziram os seguintes resultados: Desportivo de Maputo 1-1 Incomáti de Xinavane, Liga Desportiva de Maputo 2-1 Matchedje de Mocuba, Associação Black Bulls 4-1Ferroviário de Lichinga, Textáfrica de Chimoio 0-0 Costa do Sol.

A equipa da Associação Black Bulls é líder destacado do Moçambola desta época com 29 pontos, seguido do Ferroviário da Beira com 25 pontos. O Matchedje de Mocuba é o último classificado da prova com 4 pontos. (Constantino Henriques)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here