Mety Gondola preocupado com o impacto da malária nos sectores de produção em Nampula

0
33

Nampula (IKWELI) – O Secretário de Estado da província de Nampula, Mety Gondola, disse que o governo anda preocupado com o impacto que a malária está tendo nos sectores de produção naquela circunscrição do norte do país.

Os sectores mais afectados, segundo a fonte, são os da economia e outros como são a educação, a saúde e o quadro geral de recursos humanos que põem em andamento a administração pública e não só.

Dados nacionais indicam que o país registou uma redução de casos de malária durante o primeiro trimestre do corrente ano, comparativamente ao igual período de 2020. Ao todo foram registados dois milhões e seiscentos mil casos, dos quais mais de 520 mil foram em Nampula, representando 20%.

“A nossa província, infelizmente, foi muito bem-dito aqui, que tem um grande peso ao nível da situação geral do país, 20% é um peso bastante elevado. A nossa província regista, infelizmente, altos níveis de pressão nos serviços de consulta interna, dos internamentos resultantes da malaria e um grande peso por parte dos óbitos resultantes da malaria”, disse Gondola, prosseguindo que “registar 31% de pressão sobre as consultas, 32% de internamentos e 2% de peso de óbitos deve nos chamar todos a reflectir, a repensar sobre os efeitos que a malaria está a ter ao nível da nossa província. Sobre o que de melhor já fizemos e consolidar, sobre o que devemos mudar na nossa abordagem”.

O dirigente reconhece os esforços que estão sendo empreendidos pelas diversas esferas da sociedade, destacadamente os profissionais da saúde para a redução dos casos da doença, mesmo reconhecendo que os esforços ainda não são suficientes.

“A malária vai nos afectando como província, vai tirando grande parte dos recursos que nós temos e que deveriam ser dedicados na construção do país que todos nós queremos do ponto de vista de afectação de recursos para áreas de desenvolvimento não especifica ligadas ao combate aos males que afectam o nosso funcionamento”, concluiu Mety Gondola.

A cidade de Nampula, capital da província mais populosa do país, acolheu nesta quarta-feira (28) o workshop provincial sobre a malária, juntando na mesma sala os actores que actuam nesta área. (Constantino Henriques)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here